Podemos vencer

"Tudo posso nAquele que me fortalece." (Filip. 4:13)

Conheci Ana, ao dirigir uma série de conferências bíblicas no Havaí. Morava na região de maior tráfico de drogas em Honolulu e estava no auge de uma intensa luta. Parecia não ter forças para resistir aos apelos dos traficantes que, diariamente, insistiam para que comprasse mais um baseado. Com freqüência ela cedia. Ao terminar uma das reuniões, veio pedir ajuda: "Pastor, sou tão fraca! Acho que não consigo resistir!"

Mostrei-lhe a declaração de Paulo: "Tudo posso nAquele que me fortalece" (Filip.4:13), e, com um brilho nos olhos, Ana descobriu que Jesus podia ajudá-la! Ele lhe daria poder para se libertar. Dois dos meus assistentes a visitavam quase todos os dias. Finalmente, a notícia se espalhou naquele bairro infestado de drogas: "Deixem Ana de lado! Ela está ficando ‘careta’."

A descoberta de Ana é o segredo da vitória. A vida cristã não é um compromisso inicial com Cristo, seguido de fracasso. Não é uma luta sem fim contra a tentação. O Senhor não nos salva para, depois, nos deixar lutando sozinhos contra o diabo. Quem nos redime da condenação do pecado também nos livra do poder do pecado. O Salvador que morreu para nos perdoar vive para nos revestir de poder.

"Muitos acham que devem fazer sozinhos parte do trabalho. Confiaram em Cristo para o perdão dos pecados, mas agora procuram por seus próprios esforços viver retamente. Mas qualquer esforço como este irá fracassar. Diz Jesus: ‘Sem Mim vocês não podem fazer nada.’ João 15:5. Nosso crescimento na graça, nossa alegria, nossa utilidade – tudo depende da união que tivermos com Cristo."

Em nós mesmos, não há nenhum poder. Mas Cristo Se oferece para fazer por nós aquilo que não podemos fazer sozinhos. Ele nos dá poder. Ao Lhe abrirmos o coração, Ele rompe as cadeias do pecado que nos prendem, e nos liberta. Ele é nosso todo-poderoso Redentor.