O Poder da Palavra


“As palavras bondosas nos dão vida nova, porém as palavras cruéis desanimam a gente” (Provérbios 14:4 - BLH).

Recursos Visuais: Algumas tiras de cartolina com palavras.

Se alguém lhe atirar uma pedra e ela atingir você, irá machucar? Certamente que sim! E se alguém lhe atirar algumas palavras e elas atingirem você bem no meio dos olhos, poderão ferir você também? Se as palavras irão lhe ferir ou não, dependerá de você. As palavras podem deixar você triste? Isso é com você. Não deixarão você triste se não o permitir!

E se você estiver triste, as palavras poderão fazer você sorrir? Não, se você não quiser sorrir! Você é que tem de sorrir. Pense nisso! As palavras não têm mãos, pernas, rosto ou língua para nos atingirem, mas têm um poder e influência tremendos em nossa vida.

Quando alguém diz algo divertido, é você que deseja dar gargalhadas e segurar seu estômago de tanto rir. Sempre depende de você e do seu desejo de estar feliz ou triste. A decisão de como reagirá às palavras que lhe são dirigidas é somente sua.

As palavras assemelham-se a pequenos pacotes que nos são enviados. Alguns pacotes vêm embrulhados em papel brilhante e laço de fita e outros vêm embrulhados em papel pardo. Da mesma forma são as palavras. Cada um de nós é que vai escolher o que deve fazer com as palavras que ouve. Devemos desembrulhar o pacote e então decidir o que as palavras significarão para nós.

Agora irei apresentar-lhes algumas palavras e vocês deverão me dizer o que significam.

Palavras bondosas e seus efeitos:

Que pensamentos vêm à mente quando alguém lhe diz estas palavras?

    Eu tenho um cachorrinho.
    Acho você legal!
    Você é esperto!

Palavras não tão bondosas e seus efeitos:

Que pensamentos vêm à mente quando alguém lhe diz estas palavras?
    Você é burro!
    Você é feio!
    Seu idiota!

Outras palavras nos pacotes, que têm muito significado:

Que pensamentos vêm à mente quando alguém lhe diz estas palavras?
    Minha avó fez biscoitinhos.
    Minha mãe me ama.
    Jesus é meu amigo.

Provérbios 14:4 nos diz: “As palavras bondosas nos dão vida nova, porém as palavras cruéis desanimam a gente” (BLH).

NOTA: Ajuste a relação de palavras para que elas se enquadrem em sua própria personalidade. O propósito da ordem das palavras é conduzir o pensamento das crianças em direção a Jesus. Finalmente, tire a palavra “Jesus” e “desembrulhe” seu significado. Jesus é a melhor palavra. Ela nos traz vida!