UM REINO DE AMOR

UMA VIDA COM PROPÓSITO

Pertencemos a uma família muito especial, a família de Deus. Fomos criados para pertencer a esta família. Há, porém, um intruso nessa estrutura que tenta constantemente destruí-la ou, então, nos afastar dela: Satanás. Felizmente nosso amoroso Jesus mantém Seus fortes braços ao nosso alcance para que possamos nos agarrar a Ele e, assim, permanecermos firmes em Seus laços familiares. (Efésios 1:5).

JESUS, MEU EXEMPLO DE VIDA

Jesus é verdadeiramente o nosso exemplo de vida. Ele estabeleceu aqui um reino de amor em oposição ao reino das trevas, dirigido pelo príncipe do mal. Por mais que passemos por provações e privações, temos a certeza de que tudo passara, e um dia estaremos com Cristo pela eternidade.

"João Batista fora o primeiro a anunciar o reino de Cristo, e foi também o primeiro a sofrer. As paredes de uma cela na prisão separavam-no agora da liberdade do deserto e das vastas multidões suspensas de suas palavras. [...]

Como os discípulos do Salvador, João Batista não compreendia a natureza do reino de Cristo.Esperava que Jesus tomasse o trono de Davi; e, ao passar o tempo, e o Salvador não reclamar nenhuma autoridade real, João ficou perplexo e turbado. [...]

João não queria discutir suas duvidas e ansiedades com os companheiros. Decidiu enviar mensageiros a indagar de Jesus. Isso confiou a dois de seus discípulos, esperando que uma entrevista com o Salvador lhes confirmaria a fé, e traria certeza a seus irmãos. João ansiava uma palavra de Cristo, proferida diretamente a ele. [...]

Os discípulos foram ter com Jesus,levando sua mensagem: 'És Tu Aquele que havia de vir,ou esperamos outro? (Mateus 11:3):”

O coração deste grande homem queria ser acalentado com a certeza de que o reino dos Céus estava sendo estabelecido.

"Quando os mensageiros vieram à presença de Jesus, encontraram-No cercado de muitos doentes que estavam sendo curados. Durante todo o dia os mensageiros esperaram, enquanto Jesus estava incansavelmente ocupado em aliviar aqueles sofredores. Finalmente, disse a eles:

'Ide e anunciai a João o que estais ouvindo e vendo: Os cegos vêem, os coxos andam, os leprosos são purificados, os surdos ouvem, os mortos são ressuscitados, e aos pobres está sendo pregado o evangelho' (Mateus 11:4-5)."

Todo ministério de Cristo foi dedicado a minorizar a dor e angústia em que viviam os seres humanos como resultado do pecado.

Em cada ato de Cristo empreendia-se a destruição do reino do mal e, conseqüentemente,o estabelecimento de Seu reino .A vitoria só foi concretizada a partir da morte de Cristo na cruz do Calvário.

VIVENDO COMO UM DISCÍPULO

O coração de Cristo estava repleto de amor. Este amor transbordava a cada momento em favor da humanidade. Por vezes confortando, curando, outras vezes ensinando, mas sempre dando alívio físico, mental ou espiritual para Seus filhos.

Como seria interessante se todos praticassem o amor de Cristo para com os seus semelhantes, aliviando suas dores em vez de criticá-los. Não sendo omissos para com o sofrimento alheio, como se não fosse dever do cristão amar ao próximo!