ENCONTRO COM A SAMARITANA

UMA VIDA COM PROPÓSITO

Precisamos alimentar diariamente a natureza espiritual. Satanás nos assedia constantemente colocando ao nosso encalço alimento para a natureza carnal, mas deste devemos ficar o mais longe possível.

Jesus é o pão e a água da vida. É dEle que devemos nos alimentar diariamente. Podemos nutrir corretamente nossa natureza espiritual através das músicas sacras, estudo da Bíblia, oração, meditação, freqüência aos cultos, fazendo o bem ao próximo e testemunhando de Jesus para as outras pessoas.

JESUS, MEU EXEMPLO DE VIDA

"De caminho para a Galiléia, passou Jesus por Samaria. Era meio-dia quando chegou ao belo vale de Siquém. A entrada desse vale, achava-se o poço de Jacó. Fatigado da jornada, sentou-Se ali para descansar enquanto os discípulos iam a cidade comprar alimento.

Ao sentar-Se à beira do poço, Jesus desfalecia de fome e de sede. Longa fora a jornada desde a manhã, e agora dardejavam sobre Ele os raios do Sol de meio-dia. A sede era-Lhe acrescida ao pensamento da fresca e refrigerante água ali tão perto, e todavia inacessível, para Ele; pois não tinha corda nem cântaro, e fundo era o poço. Cabia-Lhe a sorte da humanidade, e esperou que viesse alguém para tirá-la.

Aproximou-se uma mulher de Samaria e, como inconsciente da presença dEle, encheu de água o cântaro. Ao voltar-se para ir embora, Jesus lhe pediu de beber."

"A mulher se surpreendeu, pois sabia quanto os judeus odiavam os samaritanos. Mas Cristo lhe disse que se ela quisesse, Ele daria água viva.

A essa declaração, ela se surpreendeu mais ainda. Então Jesus disse a mulher:

'Quem beber desta água tornará a ter sede; aquele, porém, que beber da água que Eu lhe der nunca mais terá sede; pelo contrário a água que Eu lhe der será nele uma fonte a jorrar para a vida eterna' (João 4:13 e 14)."

"Jesus não queria dar a idéia de que um único gole da água da vida bastasse ao que a recebe. O que experimenta o amor de Cristo anelará continuamente mais; mas não busca nenhuma outra coisa."

"Quanto interesse manifestou Cristo nessa única mulher! Quão fervorosas e eloqüentes foram Suas palavras! Ao ouvi-las, a mulher deixou seu cântaro e foi a cidade, dizendo aos amigos: ‘Vinde e vede um homem que me disse tudo quanto tenho feito; porventura, não é este o Cristo?' (João 4:29). Lemos que 'muitos dos samaritanos daquela cidade creram nEle' (João 4:39). E quem pode avaliar a influência que essas palavras exerceram para a salvação de pessoas nos anos que se passaram desde então?”

VIVENDO COMO UM DISCÍPULO

"O resultado da obra de Jesus, enquanto sentou-Se, fatigado e com fome, junto ao poço, foi vasto nas bênçãos. Aquela única pessoa a quem buscou ajudar, tornou-se um instrumento para alcançar outros, e levá-los ao Salvador. Esse tem sido sempre o meio por que a obra de Deus tem progredido na Terra. Fazei brilhar a vossa luz, e outras luzes surgirão."