Apocalipse 22 - Explicação Verso por Verso

1 Então, me mostrou o rio da água da vida, brilhante como cristal, que sai do trono de Deus e do Cordeiro.


A Fonte do rio: Vem do trono de Deus. Todas as nossas fontes de conforto estão em Deus. Todas as nossas Fontes provêm dEle, por meio da mediação do Cordeiro.

A qualidade do rio: Água pura e límpida como cristal flui do rio. Todas as Fontes de conforto terrenal são lamacentas; mas estas são límpidas, salutares e refrescantes. Essa água dá vida e preserva a vida dos que dela bebem.

2 No meio da sua praça, de uma e outra margem do rio, está a árvore da vida, que produz doze frutos, dando o seu fruto de mês em mês, e as folhas da árvore são para a cura dos povos.


A árvore da vida: Existia uma árvore da vida no Jardim do Éden (Gênesis 2:9). Por causa do pecado, o ser humano foi impedido de comer dela. Haverá uma árvore da vida na cidade santa de Deus.

Sua localização: "No meio da sua praça, de uma e outra margem do rio." Ela possivelmente lembrara uma figueira, por ter mais de um tronco.

Seu fruto: Ela dá muitos tipos de frutos - doze, pelo menos. Não é estéril e nunca esta sem frutos. Não somente produz uma variedade de frutos, como esta continuamente frutificando. Não é apenas uma árvore agradável, mas é também revigorante. Ela parece conter alguns tipos de vitaminas ou enzimas que previnem o envelhecimento. Seus poderes curativos previnem todas os tipos de doenças. Nela, os santos encontrarão saúde e felicidade, e um remédio para todas as suas antigas enfermidades. Eles serão preservados na mais saudável e vigorosa condição.

3 Nunca mais haverá qualquer maldição. Nela, estará o trono de Deus e do Cordeiro. Os seus servos o servirão,


Não haverá maldição: O pecado foi destruído e nunca mais retornará. A raça humana já terá experimentado o suficiente do pecado. Deus promete em Sua Palavra que, ao destruir o pecado, "Ele mesmo vos consumirá de todo; não se levantará por duas vezes a angústia" (Naum 1:9).

4 contemplarão a sua face, e na sua fronte está o nome dele.


Neste mundo de pecado, não temos o privilégio de ver a face de Deus. Mas na nova Terra viveremos tão perto dele que poderemos olhar para a Sua face, a qual, embora poderosa e inteligente, também é querida e amistosa. O Seu nome estará em nossa fronte, pois estaremos selados com o selo de Deus. A Sua lei estará escrita em nossa mente.

5 Então, já não haverá noite, nem precisam eles de luz de candeia, nem da luz do sol, porque o Senhor Deus brilhará sobre eles, e reinarão pelos séculos dos séculos.

6 Disse-me ainda: Estas palavras são fiéis e verdadeiras. O Senhor, o Deus dos espíritos dos profetas, enviou seu anjo para mostrar aos seus servos as coisas que em breve devem acontecer.

7 Eis que venho sem demora. Bem-aventurado aquele que guarda as palavras da profecia deste livro.


Eis que venho sem demora: O Antigo Testamento termina com o anúncio da vinda de Jesus (Malaquias 4). O livro do Apocalipse começa com um anúncio semelhante (Apocalipse 1:7). O anúncio feito no Antigo Testamento termina com uma ameaça de maldição (Malaquias 4:6). No anuncio do Novo Testamento, temos uma promessa de que não haverá maldição (Apocalipse 22:3).

8 Eu, João, sou quem ouviu e viu estas coisas. E, quando as ouvi e vi, prostrei-me ante os pés do anjo que me mostrou essas coisas, para adorá-lo.

9 Então, ele me disse: Vê, não faças isso; eu sou conservo teu, dos teus irmãos, os profetas, e dos que guardam as palavras deste livro. Adora a Deus.


Adoração de anjos: João ficou tão maravilhado com a visão, que se prostrou para adorar o anjo. É a segunda vez que ele comete o mesmo erro, e a segunda vez que lhe chamam a atenção (ver Apocalipse 19:10).

10 Disse-me ainda: Não seles as palavras da profecia deste livro, porque o tempo está próximo.


Não seles as palavras deste livro: O Apocalipse não é um livro selado. Uma parte das profecias de Daniel foi selada. Foi-lhe dito que selasse o livro para o tempo do fim (Daniel 12:4). Este é um livro aberto.

11 Continue o injusto fazendo injustiça, continue o imundo ainda sendo imundo; o justo continue na prática da justiça, e o santo continue a santificar-se.


O fechamento da porta da graça: Ao Jesus Cristo, nosso exaltado Sumo Sacerdote e Juiz, concluir o Seu ministério de intercessão, Ele pronuncia a sentença do julgamento usando essas solenes palavras. Elas definem para sempre o destino de cada pessoa que viveu sobre a face da Terra. Em nenhum lugar da Palavra de Deus existe qualquer sugestão de que haverá uma segunda chance. Seremos julgados não apenas pelo que fizemos, mas pelo que poderíamos ter feito com as oportunidades que nos foram dadas. Não precisamos temer a ausência de justiça, pois a Bíblia nos assegura que Deus fará o que é certo em favor de cada um de nós. "Não fará justiça o Juiz de toda a Terra?" (Gênesis 18:25).

12 E eis que venho sem demora, e comigo está o galardão que tenho para retribuir a cada um segundo as suas obras.


A cada um segundo as suas obras: Uma vez perguntaram a Daniel Webster qual fora o mais grandioso pensamento que jamais ocupara a sua mente. Ele respondeu: ''A minha responsabilidade diante de Deus."

Muitos, por indiferença, procrastinação ou um falso senso de segurança, não gastam tempo preocupando-se com isso. Em seu leito de morte, Oliver Cromwell disse: "Está tudo bem comigo, pois sei que, uma vez, obtive graça." Porém a Bíblia não diz "segundo o que ocorreu uma vez"; mas, "segundo as suas obras".

13 Eu sou o Alfa e o Ômega, o Primeiro e o Último, o Princípio e o Fim.


O Primeiro e o Último: Outra vez, Cristo e identificado por este título, o que significa que Ele vai completar aquilo que começou.

14 Bem-aventurados aqueles que lavam as suas vestiduras [no sangue do Cordeiro], para que lhes assista o direito à árvore da vida, e entrem na cidade pelas portas.


Duas traduções do verso 14: Em algumas traduções encontramos "bem-aventurados aqueles que guardam os Seus mandamentos". Alguns manuscritos gregos dizem: "guardam os Seus mandamentos". Outros trazem: "lavam as suas vestiduras". Qual tradução esta carreta? Como as palavras do idioma grego são muito parecidas, não podemos estar certos de como era o original. Ambas as traduções são aceitáveis. Somente aqueles que lavaram suas vestiduras no sangue do Cordeiro são capazes de guardar Seus mandamentos. A obediência nunca é a base da graça; mas a graça de Deus é a única base para a nossa obediência. Foi a desobediência que motivou a saída dos nossos primeiros pais do Éden e os privou de desfrutar da árvore da vida. E é somente através do sacrifício de Cristo, o qual resulta numa vida de submissão e obediência, que qualquer ser humano poderá entrar na cidade e ter direito a árvore da vida.

15 Fora ficam os cães, os feiticeiros, os impuros, os assassinos, os idólatras e todo aquele que ama e pratica a mentira.


Nem todos entrarão: Outra vez, é-nos dito que a Nova Jerusalém e a nova Terra não são para todos. Os que amam mais o pecado do que a Deus não podem ser incluídos entre os que habitarão a cidade de Deus pelas seguintes razões: (1) eles não poderão ser felizes ali; (2) eles estragariam tudo para os demais.

Cães: Esta expressão é usada na Bíblia para se referir aos "maus obreiros". Paulo diz: ''Acautelai-vos dos cães! Acautelai-vos dos maus obreiros! Acautelai-vos da falsa circuncisão!" (Filipenses 3:2).

Fora ou dentro: Os que praticam a falsidade estão do lado de fora. Todos nós devemos escolher se estaremos dentro ou fora da cidade de Deus.

16 Eu, Jesus, enviei o meu anjo para vos testificar estas coisas às igrejas. Eu sou a Raiz e a Geração de Davi, a brilhante Estrela da manhã.

17 O Espírito e a noiva dizem: Vem! Aquele que ouve, diga: Vem! Aquele que tem sede venha, e quem quiser receba de graça a água da vida.


Vem: O livro do Apocalipse termina com um convite. A última ardem de Deus para Noé, logo antes do dilúvio, foi: "Entra na arca, tu e toda a tua casa" (Gênesis 7:1). Um apelo semelhante é feito para toda a humanidade hoje.

As caravanas de camelos que viajavam pelo deserto nem sempre se mantinham juntas. Mas, quando o líder via água a distância, ele agitava os braços e gritava: "Venham! Água!" O homem seguinte fazia o mesmo, e também o seguinte, e o seguinte, até que todos ouvissem a notícia. Tendo ouvido a notícia, o ouvinte deve passá-la adiante.

A missão primaria da igreja não é lutar, mas convidar. Uma noiva não se veste de branco para que possa lutar, mas para ficar atraente. A noiva de Cristo esta convidando. Esse convite é feito agora não apenas pelos pregadores e evangelistas, mas por todo o povo de Deus que convida outros para beber da água da vida e encontrar a vida eterna. Por todo o mundo, pessoas estão "saindo" de todas as outras formas de religião, procurando guardar os mandamentos de Deus pela fé em Jesus.

18 Eu, a todo aquele que ouve as palavras da profecia deste livro, testifico: Se alguém lhes fizer qualquer acréscimo, Deus lhe acrescentará os flagelos escritos neste livro;

19 e, se alguém tirar qualquer coisa das palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida, da cidade santa e das coisas que se acham escritas neste livro.


Palavras de admoestação: Seria uma enorme ofensa um embaixador acrescentar ou omitir palavras de qualquer edito real que ele estivesse encarregado de pronunciar. Que dizer de um farmacêutico que ousadamente adultere a prescrição de um médico quando uma vida está em perigo?

Há um grande perigo em tratar a mensagem de Deus de maneira mais leviana do que você trataria um documento oficial importante. O recado de João não é apenas um alerta aos copistas e tradutores através dos tempos a serem cuidadosos em não mudarem nenhuma palavra. É também um alerta aos intérpretes, que fazem aplicações errôneas, colocando em risco seu destino eterno.

20 Aquele que dá testemunho destas coisas diz: Certamente, venho sem demora. Amém! Vem, Senhor Jesus!

21 A graça do Senhor Jesus seja com todos.


Uma promessa e uma oração: No último adeus de Cristo à Sua igreja, Ele faz uma promessa: "Certamente, venho sem demora." Não é apenas o anúncio de algum evento profético. É a voz autorizada de Cristo que ouvimos. Sua volta é a única esperança certa para o futuro do mundo.

De coração, a igreja ecoa a promessa de Cristo declarando sua crença nela e dizendo: "Amem! Vem, Senhor Jesus!" Esta devia ser a oração de cada cristão. "Vem, Senhor Jesus, vem colocar um fim a esta situação de pecado, tristeza e tentação. Reúne o Teu povo, separa-o deste mundo mal, e leva-nos para onde existe perfeita pureza, paz e alegria." De cada coração repleto de amor, em fervorosa oração, vem a resposta:

"Amem! Vem, Senhor Jesus!"